News

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Governo de MG rejeita apelo de sindicato sobre imposto, e combustíveis vão ficar ainda mais caros

 Postos pediram que Minas congelasse o valor do preço médio sobre o qual incide o ICMS


RESUMO

*A partir de segunda-feira, ICMS será cobrado sobre o valor maior que passou a vigorar nos combustíveis

*A alíquota segue a mesma, mas, devido aos aumentos feitos pela Petrobras, o estado arrecadará mais

*Sindicato dos postos pediram que o Governo de Minas congelasse o valor da cobrança por seis meses

*Estado repassa a culpa à Petrobras e explica que a atualização desses valores é feita mensalmente

*Ainda não se sabe quando, mas a alteração terá consequência negativa no bolso do consumidor


Os postos de combustível pagarão um valor maior de imposto a partir da próxima segunda-feira (1º) em Minas. Uma nova tabela com a cobrança foi divulgada pelo governo estadual nessa quinta (25), apesar do apelo do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Minas Gerais (Minaspetro) para que o reajuste fosse congelado.


FONTE: Estado de Minas

Postar um comentário

1 Comentários

Rádio Gospel disse…
Deixe o seu comentário.