A Polícia Militar de Minas Gerais alerta à população de Capelinha e região que dinheiro falso vem sendo repassado no comércio local. Assim, recomenda que seja dispensada maior atenção na conferência de notas, sobretudo de valores mais altos, conforme orientações abaixo e outras mais disponíveis no site do Banco Central:
  • Descubra o número escondido: com a frente da nota na altura dos olhos, na posição horizontal, em um local com bastante luz, você vê aparecer o número indicativo do valor dentro do retângulo no lado direito da nota.
  • Observe a estrela do símbolo das Armas Nacionais nos dois lados da cédula: olhando a nota contra a luz, o desenho das Armas Nacionais impresso em um lado deve se ajustar exatamente ao mesmo desenho do outro lado.
Recentemente, uma vítima, que anunciou em rede social a venda de um aparelho celular, acionou a Polícia Militar após ter recebido do comprador o pagamento e constatado que se tratava de cédulas de R$ 100,00 (cem reais) falsas. O autor foi identificado, localizado e preso em razão do crime.
Ressalta-se que a pessoa que recebe moeda falsa e a repassa conhecendo sua falsidade, pode incorrer nos crimes de Moeda Falsa, Furto Mediante Fraude, Estelionato e outros, a depender da situação.
Ao perceber que recebeu moeda falsa, o cidadão deve comunicar imediatamente a Polícia Militar, através do telefone 190, para que sejam adotadas as providências cabíveis.
Antes de fazer qualquer negociação, sobretudo no meio virtual, certifique-se da idoneidade do comprador/vendedor e confira sempre a autenticidade de notas, cheques e a procedência dos objetos negociados.


FONTE: http://aconteceunovale.com.br/portal/?p=152689